0B808EED-EA94-4449-94F8-194A82611EB8

Ou “Dia da Bandeira” na Suécia. Pesquisando através do onisciente Google, amém, reza a lenda que é a data de fundação do Reino da Suécia no século XVI (sei que números romanos são fogo, então dou uma colher de chá: 16).

Então fui com a família da Aguimar pro mesmo museu onde a Páscoa é comemorada pra ver o que estava rolando na quebrada sueca. Como eu já disse, é um local cercado mas ao ar livre. Havia palquinho, havia bandinha, havia um corpo de, digamos, soldadinhos. E famílias intermináveis, e muitos idosos -esparramados no gramado. Ah, e algumas pessoas usando cadeira de rodas e coisas assim (uma delas era eu, por sinal, de muletas).

Primeiro uma senhora ficou suecando no microfone, ela e mais outras estavam totalmente de branco (eles têm um apego por essa cor em momento formais). E ao lado da bandinha, três idosos (mas vá lá, bem vigorosos) como porta-bandeiras. Pra ter uma idéia o senhor estava nada mais nada a menos que de fraque.

De repente todos se levanta, e cantam. O corpo de soldados saracoteia e depois debanda, a banda fica. Pressuponho que se trate do hino nacional. Isso porque ninguém ficou me traduzindo nada; quando o Nicolas estava fazendo isso me vem uma sueca pela esquerda, nos cutuca e pede pra que nos calemos, porque ela queria escutar. Euheim

Foi bem bem bonitinho e talz, depois disso as pessoas se espraiaram pelo museu. Havia uma esposição de carros antigos -como haviam muitas pessoas antigas também, Aguimar comentando quando algum se demorava a observar um dos carros “tá lembrando de quando dirigia uma desses”. E uma bandinha de jazz num canto, cantando.

Parece que virou feriado mesmo só desde 2005. Enfim, eu tinha levantado bem cedo pra levar o Pedro embora e os restaurantes/lojas abriram todos mais tarde. Tipo meio-dia, uma aporrinhação. Aliás, horários são uma coisa séria. Impossível de gravar: as repartições públicas têm horários diferentes em cada dia da semana. Sexta geralmente é meio turno (ô lá no meu Brasil brasileiro). E dependendo só atendem no horário de visita.

Mas enfim, não tenho com o que concluir esse post. O dia está cinzento e está todo mundo indo embora. Fica em aberto: puss puss

Anúncios